Cento e Trinta Anos da Linha da Beira Alta Exposição iconográfica e documental

Até ao dia 2 de março, poderá visitar uma interessante exposição comemorativa dos 130 anos da Linha do Caminho de Ferro da Beira Alta, na Biblioteca Municipal Tomás Ribeiro, em Tondela.

Organizada por Lino Dias, último chefe da estação de Carregal do Sal até à extinção desta categoria no respetivo quadro de pessoal, a mostra compõe-se de objetos, publicações e documentos por ele reunidos ou cedidos por colaboradores de vários concelhos da Beira Alta.

 A exposição está aberta a outras colaborações, fazendo-se aqui apelo a quem possuir documentos, fotografias ou objetos com ligação ao passado da Linha da Beira Alta, preferencialmente do próprio concelho, que os possa ceder ou emprestar para reprodução ou exposição.

 

Pode aqui encontrar alguma informação sobre a inauguração da Linha do Dão ou Ramal de Viseu, que ligava a Linha da Beira Alta em Santa Comba Dão à cidade de Viseu. A Linha do Dão foi inaugurada com grandes festejos em 24 de novembro de 1890, pelo Conselheiro Tomás Ribeiro, então Ministro das Obras Públicas, representando El-Rei D. Carlos I. Extinto em 1988 e quase totalmente retirado até 1999, o troço foi recentemente recuperado e convertido em Ecopista através de uma parceria entre os Municípios de Viseu, Tondela e Santa Comba Dão, a Associação de Municípios da Região Dão Lafões e a Refer.

Depois de ter estado no museu municipal de Carregal do Sal e na biblioteca municipal de Mangualde, a exposição pode agora ser visitada na Biblioteca Municipal de Tondela: de segunda-feira a sábado das 9:30 às 12:30 e das 14:00 às 18:00 horas.

“Na linha do horizonte” Poesia na Biblioteca Municipal

Decorreu no passado sábado, dia 26 de Janeiro, na Biblioteca Municipal Tomaz Ribeiro, na sala polivalente, a apresentação do livro de poesia de Nanda Rocha “Na linha do horizonte”.

A sessão foi presidida pelo senhor Vice-presidente e Vereador do Pelouro da Cultura do Município de Tondela, José António de Jesus, que saudou os presentes e felicitou a autora pelo seu trabalho, referindo considerar importante apoiar o gosto pela escrita e a criação literária, sendo este apoio concretizado com a divulgação do livro e a aquisição de vários exemplares do mesmo por parte da autarquia, a serem distribuídos por todas as bibliotecas escolares do concelho.

Rodeada do carinho de familiares e amigos, a autora agradeceu ao Município a oportunidade de divulgar a sua obra no concelho de onde é natural e salientou que a escrita da poesia é para ela uma forma de transmitir valores e emoções positivas que, na sua opinião, deveriam alertar consciências para um mundo mais humano e mais fraterno.

Maria Fernanda da Silva Ascenção da Rocha nasceu em Teomil, aldeia da freguesia da Lajeosa do Dão. Concluiu o ensino secundário no Liceu Nacional de Alves Martins, em Viseu. Após ter trabalhado como Auxiliar da Acção Educativa, concorreu ao cargo de assistente administrativa para a Direcção Geral dos Registos de Notariado. Exerce actualmente as funções de escriturária na Conservatória dos Registos Centrais de Lisboa. Vive em Torres Vedras, entre a acalmia do campo e a vivacidade do mar.

A edição do livro “Na Linha do Horizonte” surgiu como uma oportunidade de partilhar sentimentos e emoções vividas no seu dia-a-dia que, consoante as suas vivências, poderão ou não ser sentidas da mesma forma pelos outros.

Durante a sessão de lançamento na biblioteca em Tondela foram lidos vários poemas do seu livro, em particular pela poetisa Filipa Duarte, prendendo como já é habitual a assistência, como só ela sabe.

Lançamento do livro de poesia “Na linha do horizonte” de Nanda Rocha

A biblioteca municipal Tomaz Ribeiro leva a efeito no dia 26 de Janeiro, sábado, pelas 15.00h, o lançamento do livro de poesia de Nanda Rocha “Na linha do horizonte”.

“Uma obra que pretende mostrar que os poetas não vivem fatalmente no mundo da fantasia. Preocupam-se com os grandes problemas da vida, sociais e pessoais, inquietam-se com o presente, tentam estar por perto, e muitas vezes alertam consciências, amplificando a vontade e gritando: liberdade!”

Natural do concelho de Tondela, Maria Fernanda da Silva Ascenção da Rocha nasceu em Teomil, aldeia da freguesia de Lajeosa do Dão.

Pela mão do escritor, poeta e professor Miguel Almeida publicou pela primeira vez oito poemas na obra “Palavras nossas: colectânea de novos poetas portugueses”, vol. I (2011), tendo participado desde essa data em várias colectâneas de contos.

Espectáculo de teatro “A Noite de Natal” na Biblioteca Municipal

Decorreu no passado dia 13 de Dezembro, na Biblioteca Municipal Tomás Ribeiro, a apresentação do espectáculo “A Noite de Natal”.

A Biblioteca Municipal assinalou a época natalícia com a apresentação deste espectáculo teatral, uma acção do Programa de Itinerâncias e Promoção da Leitura atribuído a esta biblioteca pela DGLB (Direcção Geral do Livro e das Bibliotecas), pelo empenho demonstrado na organização da fase distrital do Concurso Nacional de Leitura 2012.

O espectáculo recria o ambiente do conto de Sophia de Mello Breyner Andersen “A noite de Natal”. A cena representa os três espaços do conto: a sala, com os seus móveis e bibelots, a cozinha, com panelas e tachos e o jardim, com árvores, folhas, cestos de frutas e legumes. Ao fundo, um teatro de cortinas composto de telões pintados por Pedro Leitão.

O actor, Paulo Lages, assume o papel de narrador, personagem e animador da história, solicitando a participação de todos e a representação de alguns.

Uma criança faz o percurso da protagonista, desde o início, lendo e representando e a ela outras se juntam, tomando o lugar dos Reis Magos e da Estrela na visita ao menino.

A apresentação do espectáculo teve a participação atenta de 99 crianças do 1º e 2º ciclo da Escola Básica de Tondela.

“O pequeno Pai Natal”. Hora do conto na biblioteca municipal

A biblioteca municipal Tomaz Ribeiro levou a efeito na passada quarta-feira, dia 5 de Dezembro a sua HORA DO CONTO.

Para esta actividade de leitura orientada, o livro escolhido foi “O pequeno Pai Natal” de Ann Stohuer e Henrike Wilson. Natal é tempo de dádiva e de partilha, é tempo de nos lembrarmos daqueles que mais precisam, sejam gente, sejam bichos… Sabendo que em tempos de crise, os animais de companhia são das "primeiras vítimas" das dificuldades económicas das famílias.

Considerando que o setor do canil municipal de Tondela tem vindo a confrontar-se com estas diferentes realidades, não tendo muitas vezes poder para responder a todas as situações, os serviços de Coordenação e Controlo Higio-Sanitário da Câmara Municipal de Tondela propuseram-se colaborar com os serviços educativos da biblioteca municipal, neste espaço da hora do conto. As crianças do pré-escolar após terem ouvido a história prepararam as prendas para os animais do canil municipal. Com o patrocínio da Labesfal Genéricos/Fresenius Kabi e com a dádiva de particulares, embrulharam sacos de ração e medicamentos como prenda de natal para os animais abandonados à guarda do canil municipal.

Participaram na actividade 45 crianças dos infantários de Barreiro de Besteiros, Sabugosa, Tonda e Tourigo. A acção visou sensibilizar as crianças para que possam ser o motor de mudança de mentalidades na comunidade alargada em que se inserem.